Este é um livro embucetado, onde a impaciência e a incisividade dão o tom: a impaciência de uma mulher que ainda precisa reivindicar seus direitos sexuais, estéticos e comportamentais em pleno século XXI; a impaciência do sentimento de humanidade diante da ascensão de uma classe mérdia negacionista e alinhada com ideais fascistas; a impaciência do indivíduo em eterna quarentena por conta da atual pandemia de Covid-19 e, não podemos esquecer, do desgoverno brasileiro.

Beberei menos se me amares mais

REF: 0012
R$ 35,00Preço